O colesterol tem uma fama ruim, mas não deveria. Ele é uma molécula essencial para a nossa vida e o equilíbrio hormonal. O coitado do colesterol não foi bem compreendido, por um longo tempo, pesquisadores, médicos e profissionais da saúde acreditavam que ele e a gordura promoviam doenças cardiovasculares. O bom é que com toda essa atenção que foi dada a ele, hoje já sabemos que o que de fato promove doenças cardiovasculares é a inflamação, o stress oxidativo e o açúcar. Culpar o colesterol pelas doenças cardiovasculares, é a mesma coisa que culpar o bombeiro pelo incêndio.

Colesterol é necessário para uma vida saudável: ele é a principal substância para a produção de todos os hormônios sexuais, incluindo estrógeno, progesterona e testosterona. É necessário para o sistema imunológico e também para o nosso cérebro. De fato um dos pontos mais importantes sobre os efeitos colaterais do uso de medicamentos para diminuir o colesterol, é a falta de memória.

Ele também é necessário para a absorção de vitamina D, a qual muitas pessoas tem uma carência, auxilia a função dos neurotransmissores, lubrifica a nossa pele e nos protege contra doenças do trato gastrointestinal e dos pulmões. Nós precisamos dele! De acordo com um estudo feito na Europa, quanto maior o seu colesterol (em níveis adequados, veja bem), mais tempo você viverá.

Colesterol é um alvo errado para doenças cardiovasculares: “Tentar prevenir doenças cardiovasculares diminuindo o colesterol, é como tentar diminuir as calorias tirando o alface do seu hambúrguer”. Não é o alface que não tem calorias, é você focando no lugar errado. E o colesterol é o alvo errado se você está tentando prevenir doenças cardiovasculares. Não são o colesterol e a gordura os maiores vilões da alimentação, mas sim o açúcar! Nós acreditamos no mito do colesterol por vários anos e as evidências eram muito ruins, por isso os estudos precisam ser feitos novamente e mais ponderadas.

Portanto, tudo que nós ouvimos sobre colesterol estava errado. Muitas pessoas com colesterol normal ou baixo tem infartos e 50% das pessoas com colesterol elevado tem uma ótima saúde cardíaca. Fato é que o colesterol poderá ser um vilão se o seu corpo estiver inflamado, mas para isso não devemos diminuir o colesterol e sim entender de onde vem essa inflamação e tratá-la.

Interpretando os seus exames: é útil aprender como ler e interpretar os seus exames. Colesterol total é quase que um número sem sentido. Para saber se de fato os números do colesterol presente no seu corpo são saudáveis, precisamos olhar para as menores partes dele, ou seja,  LDL, HDL e Triglicérides.

A mensagem tradicional para evitar gorduras e colesterol deve cair por terra, porque, embora possa diminuir o seu colesterol, isso poderá transformar o colesterol presente no seu corpo mais prejudicial. Comer alimentos com menor quantidade de carboidrato, mais gorduras boas pode aumentar o seu colesterol um pouco, porém isso aumentará o seu HDL, diminuirá o seu triglicérides e aumentará o tamanho da sua LDL, o que é muito bom para sua saúde. Quanto menor o tamanho das moléculas de LDL, pior para a nossa saúde. Então relaxe e perca o medo do colesterol.

O QUE EVITAR E ADICIONAR NA SUA ALIMENTAÇÃO PARA TER UM COLESTEROL SAUDÁVEL E BOA SAÚDE CARDIOVASCULAR?

o que evitar e o que comer para colesterol

Evitar ou Reduzir:

  • Gorduras trans e óleos hidrogenados. Elimine qualquer produto que tenha o termo “hidrogenado” na lista dos ingredientes. Isso incluí margarinas, bolachas, sorvetes industrializados, entre outros.
  • Alimentos transgênicos como: derivados de soja, óleo de canola e milho.
  • Frituras
  • Laticínios pasteurizados e glúten
  • usar sal iodado, troque-o pelo sal marinho
  • modere na ingestão de café
  • comidas doces como: bolos, balas e outros doces industrializados e que contenham na sua composição: xarope de frutose, glicose, maltodextrina, entre outros
  • cigarro.

INCLUIR:

  • Legumes e grãos, como: feijão azuki, grão de bico, lentilha e tempeh;
  • Quinoa, amaranto, arroz integral;
  • Vegetais (cebola, alho poró, cebolinha);
  • Folhas verde escuras;
  • Frutas orgânicas, principalmente as berries, maçã e frutas cítricas;
  • Especiarias: canela e cúrcuma diariamente;
  • Peixes como, salmão, arenque, sardinha e linguado;
  • Gorduras boas: abacate, castanhas, sementes de chia, linhaça, gergelim, manteiga e óleo de coco

Converse com o seu Nutricionista e/ou Médico sobre alguns suplementos, como: ômega 3, curcumina em cápsulas e coenzima Q10.

Escrito por Dra. Maria Fernanda Cortez Giansante

VEJA TAMBÉM:

Talvez esteja inflamado e nem imagina!

Afinal de contas, por que precisamos fazer um Detox?

Por que é importante equilibrar seus níveis de açúcar?

banner-ebook-detox-receitas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.