O gatilho de seus sintomas de alergias sazonais – incluindo espirros, calor excessivo e nariz escorrendo – começa com uma inflamação crônica no intestino, o que sobrecarrega o sistema imunológico.

O intestino permeável ou Leaky Gut ativa o sistema imunológico, amplificando os efeitos de suas alergias sazonais ambientais. Para eliminar suas alergias e todos os seus sintomas horríveis, temos que começar tratando o intestino.

A “hiperpermeabilidade” do intestino essencialmente significa que moléculas de proteína parcialmente digeridas do alimento passam pela sua parede intestinal e criam o caos. O sistema imunológico não os reconhece, por isso ataca, o que resulta em sensibilidades alimentares. Você pode até não estar ciente dessas sensibilidades porque elas podem se manifestar sem sintomas intestinais, e acabam aparecendo como alergias sazonais, gotejamento nasal, congestão crônica das vias aéreas e sinusite recorrente.

As alergias alimentares diferem das sensibilidades alimentares. As alergias alimentares criam uma resposta imediata que pode começar dentro de segundos a minutos após o contato com a substância proteica. Erupções cutâneas, coceira, falta de ar e fechamento da traquéia estão entre os sintomas das alergias alimentares.

Sensibilidades alimentares, por outro lado, envolvem uma reação prolongada ou retardada à comida. Um início tardio (de várias horas até 36 horas após a ingestão do alimento agressor) aparece com erupções cutâneas indesejadas (eczema, por exemplo), fadiga, fadiga mental e enxaquecas.

Pesquisas mostram que a permeabilidade intestinal cria um ciclo vicioso de inflamação e reações alérgicas.

Cada vez que você come glúten, a resposta imunológica que ele desencadeia pode durar até seis meses. Adicione laticínios e desencadeie a superprodução de muco dentro do nariz e dos seios da face, que prenderá mais pólen, fazendo com que você se sinta “doente” por mais tempo.

E COMO TRATAR ESSE INTESTINO?

Probióticos, fibras e prebióticos (um tipo de fibra que alimenta as bactérias do bem) são o trio perfeito para um intestino feliz. Alimentos fermentados e probióticos manipulados povoam o intestino de bactérias do bem.

Kefir de água, alimentos fermentados como chucrute e kimchi e bebidas cultivadas contendo bactérias vivas favoráveis, como o kombuchá são alguns exemplos.

Os alimentos ricos em prebióticos como cebolinha crua e alcachofras ajudam a alimentar essas bactérias probióticas.

Além disso o ideal é eliminar alimentos inflamatórios como glúten, açúcar e derivados de leite de vaca.

E inclua alimentos que ajudam a reduzir a inflamação e estabilizar seus mastócitos produtores de histamina. Entre eles estão peixes selvagens, semente de linhaça moída na hora, nozes, sementes de chia e vegetais variados. Alcaparras ricas em quercetina são um ótimo complemento para receitas e saladas, além de ajudar a diminuir a quantidade de histamina liberada em seu corpo.

Escrito por Dra. Maria Fernanda Cortez

VEJA TAMBÉM:

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.